A Comissão Europeia propôs hoje dotar o Corpo Europeu de Solidariedade com um mecanismo de financiamento próprio, de 341,5 milhões de euros para os próximos três anos, com vista a possibilitar a colocação de 100 mil jovens até 2020.

O valor total alcança 43,5 mil milhões de euros em 2018. O aumento do orçamento previsto no segundo pilar, relativo ao desenvolvimento rural, seria de 5,7% até 11,8 milhões de euros.

 A 6 de junho foi lançada a Plataforma da UE para o bem-estar dos animais. A Plataforma visa promover o diálogo entre as autoridades competentes, as empresas, a sociedade civil e os cientistas sobre as questões relacionadas com o bem-estar dos animais que são importantes para os cidadãos da UE. Saiba mais em http://europa.eu/!xr39FB

Para a próxima fase do Corpo Europeu de Solidariedade, estão previstos os seguintes tipos de atividades: Experiências práticas de solidariedade na realização de atividades de voluntariado por um período máximo de 12 meses, estágios habitualmente de 2 a 6 meses e colocações profissionais de 2 a 12 meses, de acordo com a legislação nacional aplicável.

É sabido que Portugal é dos países da União Europeia a quem mais fundos comunitários foram atribuídos e dos que melhor os conseguiu absorver e utilizar em investimentos de diversos tipos.

Descubra um projeto financiado pela UE perto de si! Uma visita a um centro de investigação aquícola em Ílhavo, uma escola de línguas equipada com o mais recente equipamento informático em Split, ou uma visita guiada em Viena para detetar e visitar projetos financiados pela UE na cidade. Info: http://ec.europa.eu/regional_…/…/communication/euinmyregion/

 

Este é um dia importante para Portugal. Recomendamos a revogação do Procedimento por Défice Excessivo para Portugal e esperamos que os Estados-Membros apoiem a nossa recomendação. Acompanhe a conferência de imprensa sobre o Pacote do Semestre Europeu – Recomendações Específicas por País em http://ec.europa.eu/avservices/ebs/live.cfm?page=1 

Hoje é o dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento.

Sabia que em 2018 vai ser o ano Europeu do Património Cultural? O objetivo é sensibilizar os cidadãos europeus para a história e passado comuns. Ao mesmo tempo, pretende-se realçar a importância social e económica do património cultural para o futuro. Saiba mais neste vídeo https://www.europarltv.europa.eu/pt/programme/society/european-cultural-heritage-ties-that-bind