A Comissão publicou hoje os primeiros resultados da sua consulta pública sobre normas no Mercado Único Digital. As normas são ferramentas importantes para tornar possível que os diferentes sistemas trabalhem em conjunto em todos os países e setores.

Especificações técnicas comuns para assegurar a interoperabilidade de produtos e serviços aumentam a segurança e reduzem os custos, estimulam a inovação, assim como o desenvolvimento digital e a competitividade da indústria europeia.

Os participantes na consulta pública sublinharam a importância da existência de normas para a adaptação rápida e eficaz às novas tecnologias. Identificaram a cibersegurança, a Internet das coisas, a economia de dados, a computação em nuvem e a saúde em linha como os principais domínios prioritários em que as normas devem ser desenvolvidas.