Após ter recebido o apoio do Plano de Investimento para a Europa, conhecido como Plano Juncker, no valor de 40 milhões de euros, a Mecachrome Aeronáutica inaugurou hoje em Évora a sua nova fábrica para a produção de peças em titânio para motores de aeronaves. O projeto permitirá criar 300 novos postos de trabalho em Portugal.

 No quadro de um financiamento ao abrigo do Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos, o Banco Europeu de Investimento concedeu ao grupo Mecachrome um empréstimo de 40 milhões de euros, que visa apoiar a modernização e expansão das capacidades de produção de componentes avançados para motores de aeronaves e aeroestruturas. A empresa comprometeu-se a criar um programa de formação de trabalhadores de forma a disseminar o conhecimento desta nova tecnologia de ponta. Mais informação aqui.